Voltar para home

Vícios drogas

69% são contra legalização da maconha

Postado em 19/05/2014

Dado: “Se depender da maioria da população do Rio, a maconha vai continuar sendo uma erva proibida. Pesquisa realizada pelo Instituto GERP, encomendada pelo DIA, aplicada em 870 pessoas do estado, entre os dias 18 e 23 de abril, revela que 69% dos entrevistados são contra a legalização da droga. Já os que defendem a liberação para qualquer finalidade somam 17% e, apenas para uso medicinal, 10%.”

“De acordo com a pesquisa, 56% dos que não aceitam a legalização apontam o aumento da violência como principal motivo da rejeição. Um grande contingente (42%) é contra por acreditar que a droga faz mal à saúde. Porém, a questão divide especialistas da área médica.”

“A pesquisa do GERP mostra que os que concordam com a liberação da maconha (27,2%) defendem seu uso para qualquer fim (17,3%) ou uso medicinal (9,9%), o que está sendo estudado no Congresso Nacional, onde tramita um projeto de lei, do deputado Eurico Júnior (PV-RJ).”

“A redução do tráfico (55,2%) é tida como fator principal na defesa da discriminalização. Em segundo lugar está “a liberdade de fazer o que quiser com o próprio corpo” (25,7%), seguido da “diminuição da violência e prisões” (24,5%) e dos benefícios para a saúde (9,5%).”

“Uma das perguntas entre os defensores da liberação era sobre a produção e comercialização da maconha, iniciativa já seguida pelo vizinho Uruguai. Este mês, o presidente José Mujica assinou decreto que regulamenta a produção e comercialização de maconha no país. No caso dos pesquisados do Rio, o modelo seria a venda em pontos autorizados (46%), farmácias (15%) ou o plantio em casa (14%).”

 

Veículo: O Dia

Título original: Pesquisa encomendada pelo DIA atesta que 69% rejeitam liberação da maconha

Link: http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2014-05-19/pesquisa-encomendada-pelo-dia-atesta-que-69-rejeitam-liberacao-da-maconha.html

Data da matéria: 19/05/2014

Jornalista: Constança Rezende

Fonte oficial: Instituto GERP

 

Palavras relacionadas: vícios, drogas, legalização da maconha