Voltar para home

Trabalho emprego

Jovens sem trabalho e fora da escola são 1,5 milhão

Postado em 09/08/2013
Dado: “Cerca de 1,5 milhão de brasileiros entre 19 a 24 anos, concentrados nas faixas mais pobres da população e excluindo donas de casa e mulheres com filhos, nem trabalham, nem estudam e nem procuram emprego e esse perfil tem crescido dentro do total da população jovem do país.” “Do total de 1,5 milhão, em torno de 46% podem ser considerados pobres, pois vivem em domicílios que estão entre os 40% mais pobres na distribuição de renda” “(...) esses jovens desalentados, excluindo donas de casa e mulheres com filhos, já representavam 10% da população total de jovens nessa faixa etária em 2011 - um avanço em relação a 2006, quando a fatia era de 8%” “(...) com a inclusão de donas de casa com filhos, essa fatia de "nem-nem-nem" na população entre 19 e 24 anos pularia para 17% dessa faixa etária - em torno de quatro milhões de pessoas.” “Desses 1,5 milhão de jovens, 20% tinham menos de cinco anos de escolaridade - a maior fatia entre as faixas de estudo delimitadas” Veículo: Valor Econômico Link: http://www.valor.com.br/brasil/3227514/jovens-sem-trabalho-e-fora-da-escola-sao-15-milhao#ixzz2biHBJDHb Data da matéria: 09/08/2013 Jornalista: Alessandra Saraiva Fonte oficial: Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre-FGV) – “Os Nem-Nem-Nem: Exploração Inicial Sobre um Fenômeno Pouco Estudado" Palavras relacionadas: emprego, assistencialismo, desemprego